O projeto Smart Metropolis 2.0, do Instituto Metrópole Digital da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (IMD/UFRN), está com processo seletivo aberto para bolsistas e pesquisadores da área tecnológica para atuação em atividades relacionadas ao contexto de Cidades Inteligentes. A seleção disponibiliza quatro vagas e possui remuneração de até R$ 2,9 mil, conforme o nível de formação.

Os interessados deverão preencher o formulário de inscrição, através deste link, até o dia 1º de março (segunda-feira) e anexar, em PDF, os seguintes documentos: comprovante de matrícula na UFRN, cópia de currículo cadastrado na Plataforma Lattes e histórico acadêmico atualizado. Os candidatos aprovados deverão ter disponibilidade de 20h semanais para realizar as atividades.

Espera-se que o candidato tenha experiência em desenvolvimento web e móvel, conhecimento na linguagem de programação Java e outras habilidades que podem ser verificadas através do Edital 009/2021, disponível no portal do IMD.

Uma das vagas é voltada para alunos de graduação, com bolsa no valor de R$ 1,4 mil. Outras duas são para estudantes de mestrado, com remuneração de R$ 2,1 mil. E mais uma é disponibilizada para doutorandos, com bolsa de R$ 2,9 mil.

O processo de seleção dos discentes acontecerá de 3 a 5 de março e será realizado a partir de análise de currículo e entrevista, que será agendada através do e-mail do candidato. As atividades dos estudantes selecionados serão voltadas para pesquisa e desenvolvimento de soluções relacionadas ao projeto “Novas Tecnologias para a Inovação no Empoderamento do Cidadão e nas Decisões do Gestor Público”. 

A atividade faz parte do projeto Smart Metropolis. Os interessados poderão verificar mais informações sobre o assunto no portal do Smart Metropolis 2.0.