O Instagram virou alvo de investigação na União Europeia. De acordo com a BBC, a rede social de imagens e vídeos estaria tendo um comportamento inadequado quanto aos dados de perfis de crianças. A empresa estaria oferecendo contas corporativas para pessoas a partir dos 13 anos, o que acabaria expondo seus e-mails e telefones.

A Comissão de Proteção de Dados da Irlanda (DPC na sigla em inglês) iniciou a investigação para ver se o Facebook, dono do Instagram, tem o direito legal de utilizar os dados pessoais de crianças. A entidade também está verificando se a companhia usou proteção e restrições suficientes no site para menores. Vale lembrar que sempre que você cria uma conta corporativa, esses dados se tornam públicos.

“O Instagram é uma plataforma de mídia social amplamente usada por crianças na Irlanda e em toda a Europa. O DPC tem monitorado ativamente as reclamações recebidas de indivíduos nesta área e identificou potenciais preocupações em relação ao processamento de dados pessoais das crianças no Instagram que requerem uma análise mais aprofundada", disse Graham Doyle, vice-comissário do DPC.

Fonte: Canaltech, disponível em: https://canaltech.com.br/redes-sociais/europa-investiga-instagram-por-uso-indevido-de-dados-de-criancas-173218/