Educação

23

Ago

Educação

Projeto leva estudantes de colégio particular a ministrarem aulas de forma voluntária em escola pública de Natal

Alunos do programa High School desenvolvido pelo CEI Romualdo e University of Missouri lançaram o projeto “Better together”, com realização de aulas de forma voluntária para os estudantes da Escola Estadual Monsenhor Alfredo Pegado, em Mãe Luiza, nas diversas áreas do conhecimento como Matemática, Língua Portuguesa, História e Língua Inglesa.

“Semanalmente nossos alunos colocarão em prática diversas atividades com as crianças da escola. Ontem, o dia foi de aprender as cores em inglês e ainda participar de um divertido jogo!”, destacou o professor Leonardo Xavier, orientador pedagógico do programa bilíngue do CEI.

Com a realização do projeto, os alunos do High School receberão um certificado de horas complementares ao término do semestre. Isso os ajudará em futuras aplicações a universidades americanas.

23

Ago

Educação

Pesquisa da UFRN constata a existência de 21 ecorregiões na Mata Atlântica

Uma pesquisa sobre as transformações ocorridas com a Mata Atlântica desde a última glaciação, há mais de 20 mil anos, pode trazer grandes novidades e ampliar a compreensão dos pesquisadores sobre este bioma. 

O trabalho, com o título Aridity, soil and biome stability influence plant ecoregions in the Atlantic Forest, a biodiversity hotspot in South America (Tradução:  Aridez, solo e estabilidade do bioma influencia as ecorregiões vegetais na Floresta Atlantica, um hotspot de biodiverisidade na América do Sul), desenvolvido no Departamento de Ecologia, foi tema da dissertação de Mestrado da aluna Luíza Soares Cantídio, sob a orientação do professor Alexandre Fadigas de Souza. 

Durante a pesquisa foi feita a análise de 4 mil espécies de árvores de toda a Mata Atlântica, reunindo amostras coletadas em mais de 700 locais do Brasil, do Rio Grande do Norte ao Rio Grande do Sul.  A principal constatação dos pesquisadores é que os resultados apontam que a Mata Atlântica é mais que uma unidade da vegetação brasileira. É sim um conjunto de vinte e uma ecorregiões vegetais, cada uma delas contendo espécies diferenciadas de árvores.  

Além disso, o estudo aponta que essa variedade decorre de questões climáticas. As 21 ecorregiões se diferenciam, entre si, em parte, porque cada uma reflete a quantidade de chuva que cai por ano, mas também, em parte, porque refletem o quanto cada região ficou estável desde a última glaciação, há 21 mil anos.  A Mata Atlântica é um dos hotspots mundiais da biodiversidade que cobre 150 milhões de hectares do leste da América do Sul. O estudo desenvolvido pelo Departamento de Ecologia da UFRN, além de contribuir para uma melhor compreensão sobre o bioma, trará significativa contribuição à sua conservação. 

O trabalho foi publicado na revista sueca Ecography, de impacto Qualis 1. A revista  publica artigos focados em amplos padrões espaciais e temporais, particularmente estudos de ecologia populacional e comunitária, macroecologia, biogeografia e conservação ecológica.  Veja o artigo no endereço:https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1111/ecog.04564?af=R.

23

Ago

Educação

Instituições realizam Vestibular Social com bolsas de 50% até o fim do curso

A UNINASSAU, UNINABUCO, UNAMA, UNIVERITAS e UNIVERITAS/UNG, instituições mantidas pelo grupo Ser Educacional, irão realizar, nos dias 30 e 31 de agosto e 1º de setembro, o Vestibular Social em suas unidades e polos de ensino a distância. A campanha dará 50% de desconto nas mensalidades de diversos cursos oferecidos.

O Vestibular Social é uma campanha do grupo Ser Educacional que visa criar oportunidades para que diversos estudantes possam ingressar no ensino superior desfrutando da qualidade das graduações oferecidas pelas Instituições de um dos maiores grupos educacionais do país. Os descontos são apenas para graduações nas modalidades presencial e a distância.

“Nossas Instituições de Ensino Superior estão sempre focadas em promover qualificação profissional e criar oportunidades para que todos possam ter acesso a uma educação de qualidade. O Vestibular Social irá ampliar estas possibilidades de ingresso em graduações com descontos que tornam as mensalidades acessíveis para todos”, destaca o presidente do Ser Educacional, Jânyo Diniz.

O desconto de 50% é válido para todas as graduações oferecidas pelas Instituições mantidas pelo grupo Ser Educacional, exceto os cursos de Direito da UNAMA Rio Branco-AC e UNINASSAU Petrolina-PE, de Medicina da UNINASSAU Recife-PE e as graduações EAD em Letras e Pedagogia.

Os interessados podem realizar a inscrição nos sites da UNINASSAU, UNINABUCO, UNAMA e UNIVERITAS ou comparecer a uma das unidades nos dias da campanha para realizar a prova. Os participantes precisarão realizar a doação de um quilo de alimento não-perecível, que será direcionado para instituições de caridade.

23

Ago

Educação

Debate: Financiamento da Educação Pública na capital potiguar é tema de discussão

Durante reunião da Frente Parlamentar em Defesa da Educação Pública da Câmara Municipal de Natal, nesta quinta-feira (22), foi debatido o Financiamento da Educação Pública na capital potiguar, com foco no Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação - Fundeb, o salário-educação e as transferências diretas do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

A presidente da Frente Parlamentar, vereadora Eleika Bezerra (PSL), falou que a educação costuma ser prioridade apenas no discurso. "No dia a dia das gestões a educação não é prioridade. Um exemplo disso é que de acordo com as análises orçamentárias dos últimos oito anos, a Prefeitura de Natal não está aplicando o percentual mínimo de 30% para investimentos no setor, conforme determinação da legislação em vigor. Em 2018 o percentual investido foi de apenas 18,91%".

"E mais uma vez vou bater na velha tecla: precisamos saber o custo aluno em nosso município, que visa mensurar as necessidades para a melhoria da qualidade da educação. O gasto por aluno é resultado da divisão dos recursos investidos em educação pelo número de estudantes. Então, calcula-se o gasto por aluno a partir do número ideal de crianças ou adolescentes por sala e dos insumos necessários para uma escola, passando pela valorização dos profissionais e infraestrutura, como bibliotecas e quadras", explicou Eleika.

Cleucy Lima, que representou o Conselho Municipal de Educação, disse que 2019 tem sido um ano complicado. "Começamos o período letivo em março por causa dos problemas com a matrícula online. As receitas continuam escassas para o ensino básico. A questão da merenda escolar ainda gera preocupações aos gestores. Enfim, precisamos atualizar os repasses dos recursos efetuados pelo Município. Porque é possível uma escola pública de qualidade, mas temos que investir".

Segundo a diretora do Instituto de Desenvolvimento da Educação (IDE), Cláudia Santa Rosa, o número de matrículas no ensino fundamental está caindo. "Enquanto as matrículas na educação infantil cresceram de forma significativa, registramos um movimento inverso na faixa etária dos 6 aos 14 anos. Isso pode ser uma consequência da falta de confiança da sociedade em relação à educação pública, especialmente por causa da ausência de investimentos na rede", informou.

Presente na reunião, Andreia Souza, coordenadora do coletivo Mulheres na Contramão, apontou a falta de vagas nas creches, o que prejudica a inserção e o crescimento profissional feminino. "A oferta de creches gratuitas e de qualidade tem tudo a ver com o desenvolvimento profissional, social e econômico do país. A falta de local para deixar as crianças atrapalha, ou até impede, que trabalhadores com filhos pequenos — majoritariamente mulheres, pois são elas as que mais se responsabilizam pela prole — se insiram, se mantenham e avancem no mercado. É preciso ter creche pública de qualidade para todos".

22

Ago

Educação

Estudantes conquistam medalhas em olimpíada internacional de Matemática

Alunos da rede estadual de ensino foram premiados, nesta semana, com medalhas de bronze na World TIME – Talent Invitational Mathamatics Examination 2019, uma das maiores olimpíadas de matemática do mundo que aconteceu até ontem (20) em Chiang Mai, na Tailândia.

A equipe, formada pelos estudantes José Eduardo de Souza, Carlos Daniel de Freitas, e Marcos Sérgio de Sales Silva, alunos do 2º ano da Escola Estadual Professor Otto de Brito Guerra, localizada em Ceará-Mirim (RN), representou o Rio Grande do Norte, e o Brasil, categoria “ensino médio”, levando o bronze e ficando somente atrás das equipes da China, Tailândia e Filipinas. O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Educação, investiu quase R$ 65 mil, com inscrições e passagens, para o grupo participar do evento integrando a delegação brasileira.

A prova realizada na Tailândia, foi composta por 25 questões discursivas variadas, incluindo álgebra, aritmética, trigonometria e geometria, entre outros assuntos. Os estudantes tiveram 1 hora e 30 minutos para respondê-la.  O processo de seleção desses estudantes para a World TIME se deu meio da participação da escola na Olimpíada Internacional Matemática sem Fronteiras 2019, competição internacional de Matemática realizada pela Rede do Programa de Olimpíadas do Conhecimento (Rede POC).

Formando uma equipe de 12 estudantes, os professores Débora Ramos e Cristóvão Porciano inscreveram a escola, que participou da competição (conquistando também medalhas de bronze) alcançando um bom desempenho, o que lhe conferiu participação na World TIME.

A partir desse resultado, foi realizada uma seleção na escola com a equipe inicial (de 12 integrantes), a fim de escolher três alunos para representar toda a equipe na World TIME. Após a seleção, os estudantes passaram a ser preparados no contra turno das atividades escolares, comparecendo à escola para aulas de Matemática e Inglês com professores voluntários.

22

Ago

Educação

UFRN lança concurso fotográfico do campus central

Em homenagem ao Dia Mundial da Fotografia, a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) lança o concurso fotográfico #UFRNgo no período de 19 a 29 de agosto. Os participantes precisam explorar um bom ângulo e compartilhar a foto no seu feed do Instagram com a hashtag  #UFRNgo e marcar os perfis @urfn.br e @cooperativacultural. Durante a semana, serão sugeridas fotos de espaços diferentes da Universidade.

A cada três dias, será publicada uma seleção das melhores fotos na página do Instagram da UFRN. Os seguidores vão comentar e escolher a melhor. Cada comentário equivale a um voto. As três fotos mais comentadas ganharão um vale-livro de R$ 50 para compras na cooperativa cultural. O primeiro espaço que deve ser fotografado é o Tridente da UFRN, localizado na BR 101.

A data foi escolhida porque, em 19 de agosto de 1839, o governo da França apresentou sua “nova invenção”: o daguerreótipo, primeiro processo fotográfico a ser comercializado. O método foi desenvolvido por Louis-Jacques-Mandé Daguerre, que foi o precursor da fotografia da maneira como a conhecemos hoje. 

A foto deve ser do monumento postado. Qualquer pessoa que ame fotografia pode participar. A princípio, o concurso só vai acontecer no campus central, mas nas próximas edições seguirá com os outros campi da Universidade. Mais informações sobre o concurso podem ser conferidas no Instagram.

21

Ago

Comunicação

Sebrae oferece capacitações em marketing digital orientado para resultados

Para capacitar esses empresários e profissionais ligados ao setor, o Sebrae no Rio Grande do Norte estruturou um pacote de capacitações para estimular a presença digital das empresas que atuam nessa área. Denominado Trilha Turistech, o programa começa com um diagnóstico de presença digital e outras capacitações, como um fórum e oficinas práticas. A série de oficinas será ministrada em Natal nos dias 2 e 3 de setembro e, no dia 5 do mesmo mês, em São Miguel do Gostoso, levando os conceitos, técnicas e ferramentas de marketing digital para donos de pequenos negócios ligados à atividade turística. 

A proposta é que esses empresários sejam capazes de implementar estratégias de divulgação e comercialização de seus produtos e serviços de forma eficaz, conquistando novos clientes e melhorando a sua rede de relacionamentos. Nas oficinas, os participantes aprendem mais sobre as tendências das principais ferramentas digitais, construção de audiência e elaboração de estratégias para redes sociais com exemplos práticos do setor. 

Entre os conteúdos  repassados estão, o planejamento de marketing digital; otimização do site e landing pages; funil de vendas (captação de leads e taxa de conversão), Inbound Marketing; Instagram para Turismo; WhatsApp, Marketing 4.0 e o Google Ads. “O setor do turismo é um dos mais voláteis, e é inundado, constantemente, por novas ferramentas e recursos tecnológicos capazes de mapear comportamentos de consumo de produtos turísticos. Entender esses recursos e usá-los a favor do empreendimento é essencial para empresário da cadeia produtiva do turismo”, explica o gestor da Trilha Turistech, Yves Guerra, analista da Unidade de Desenvolvimento Setorial do Sebrae-RN. 

Além das oficinas de Marketing Digital, a Trilha Turistech também oferece o diagnóstico de presença digital - que avalia os sites, redes sociais e Tripadvisor – com devolutivas presenciais ou a distância - e a participação no Fórum Turistech, previsto para ocorrer no dia 5 de novembro. A terceira edição do Fórum vai reunir em Natal palestrantes de renome nacional, abordando temas como uso de tecnologias, sustentabilidade, experiência e governança no turismo. As inscrições podem ser feitas pelo link http://bit.ly/2HbFARc 

21

Ago

Educação

Projeto da Assembleia Legislativa do RN leva aulão preparatório para o ENEM ao interior do Estado

A Assembleia Legislativa, através da Escola da Assembleia, realiza mais uma edição do Conexão Enem, no interior do Estado. Desta vez a cidade beneficiada com o projeto de educação, que leva aulões gratuitos aos estudantes que farão as provas do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM – será em Currais Novos, na região Seridó.

“Esse tem sido um desejo do presidente Ezequiel Ferreira que não tem medido esforços na educação. O projeto já acontece em Natal e agora chega ao interior do Estado, tendo a cidade de Currais Novos como palco. Sem dúvida um presente para os alunos da região Seridó que já estão aguardando ansiosos a chegada do próximo sábado”, explica o professor João Maria Lima.

O evento acontece no sábado (24), a partir das 8h, na quadra poliesportiva da Escola Municipal Professor Humberto Gama, com aulas dos professores João Maria Lima – Linguagem e Redação e Rafael Magão – Matemática. A entrada é franca e haverá distribuição de lanches e sorteio de brindes.

“Mais da metade da prova estará sendo discutida e resolvida nesse grande aulão que acontece em Currais Novos. Será um grande momento para o aluno das principais cidades da região Seridó. Uma manhã de sábado cheia de aprendizado e conhecimento”, disse João Maria.

21

Ago

Educação

Edital do IFRN oferta vagas para intercâmbio no Japão

O IFRN, através da Assessoria de Relações Internacionais (Aseri), divulga o Edital Conif/AL - nº 1/2019, feito em colaboração com a Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação (MEC) e a Coordenação do Fórum de Assessores Internacionais das Redes Federais (Forinter). O Edital oferece a oportunidade para mobilidade internacional com destino ao Japão pelo "Sakura Science High School Program", de 24 a 30 de novembro de 2019

A oportunidade é direcionada a alunos dos cursos Técnicos Integrados em áreas de: Controle e Processos Industriais, Informação e Comunicação, Infraestrutura e Produção Industrial. Será selecionado um representante de cada Instituto da Rede Federal para concorrer ao total de 10 vagas ofertadas para toda a Rede brasileira.  O programa custeará as despesas dos representantes brasileiros – passagens aéreas, hospedagem, alimentação, transporte terrestre no Japão, seguro-viagem e visto japonês - em parceria com a Agência de Ciência e Tecnologia do Japão (JST) e a Setec do MEC.

Somente os valores referentes à emissão do passaporte e à entrevista no consulado japonês para obtenção do visto não serão cobertos. Na seleção será realizada a análise do perfil do aluno com base nos critérios exigidos pela agência japonesa - possuir no mínimo 16 anos, comprovar rendimento de 80% nas disciplinas cursadas, ter certificação de proficiência na língua inglesa e não ter participado de programas de intercâmbio no Japão anteriormente.

Para tal, o pré-candidato do IFRN deverá preencher o formulário disponibilizado, acrescentar os certificados, declarações (e outros documentos comprobatórios exigidos no Edital), e enviá-los até 26 de agosto para o e-mail aseri@ifrn.edu.br com o assunto 'Programa Sakura'. Após essa etapa ainda será realizada prova escrita, na próxima quarta-feira (28), no Campus do candidato (com um servidor autorizado pela ASERI), e entrevista via Skype no mesmo dia, em horário a ser informado previamente. O edital está disponibilizado no link: http://portal.conif.org.br/images/20190815_Sakura_Program_2019_publica%C3%A7%C3%A3o.pdf

 

21

Ago

Mercado

UFRN inscreve para processo seletivo de vagas residuais

O Núcleo Permanente de Concursos (Comperve), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), inicia inscrições do processo seletivo para reocupação de vagas residuais nos cursos de graduação da instituição de ensino. Ao todo, estão sendo oferecidas 448 vagas, distribuídas nos campi de Natal, Caicó, Currais Novos, Macaíba e Santa Cruz. As inscrições podem ser feitas neste link até as 23h59 do dia 9 de setembro. A taxa de inscrição é de R$ 30,00.

O candidato inscrito poderá acessar a página da Comperve para consultar sobre a validação de sua inscrição a partir do dia 16 de setembro. A divulgação dos locais de realização das provas estará disponível a partir do dia 23 de setembro.

Podem se candidatar às vagas quem possui vínculo ativo em cursos de graduação, candidatos portadores de diploma e ex-alunos de graduação da UFRN. O processo seletivo será composto por prova escrita objetiva de língua portuguesa e matemática, redação e prova de títulos. As vagas residuais são geradas por cancelamentos de curso, conforme o Regulamento dos Cursos Regulares de Graduação da UFRN. Confira o edital no site da Comperve.

21

Ago

Educação

Curso gratuito de informática é oferecido a pessoas com deficiência em Natal

Pessoas com deficiência interessadas em se capacitar para o mercado de trabalho podem se inscrever gratuitamente, até a sexta-feira (23), no Projeto Informática Cidadã. A iniciativa tem como principal objetivo promover a capacitação em informática básica para esse grupo da população, contribuindo com a inclusão digital de jovens e adultos, facilitando o seu acesso ao mercado de trabalho.

Desenvolvido desde 2006 pela UnP, integrante da rede Laureate, o Informática Cidadã passou a atender Pessoas Com Deficiência (PCDs) em 2017 já formando mais de 200 alunos deste segmento. No novo formato, o projeto é realizado em parceria com o Centro de Atendimento às Pessoas com Surdez (CAS) e a Coordenadoria de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência (COPCD) ligados, respectivamente, à Prefeitura de Natal e o Governo do Estado.



Além dos conhecimentos técnicos em informática, como pacote Office, os alunos também são capacitados em aspectos comportamentais como ética, postura de mercado de trabalho e etiqueta digital. São 14 semanas de curso e, ao final, as turmas recebem certificação em uma cerimônia com a presença de familiares.

As aulas são realizadas sempre aos sábados das 13h às 17h, na Unidade Roberto Freire da UnP, e são ministradas por professores e alunos voluntários dos Cursos de Tecnologia da Informação. O Informática Cidadã é um projeto de extensão ligado ao Centro de Excelência em Pesquisa Aplicada da UnP (e-Labora).

Para se inscrever, as pessoas com surdez devem procurar a sede do CAS e, com outras deficiências, a COPCD portando documentos como RG, CPF, Carteira de Trabalho (se tiver), Título de Eleitor e Certificado de Dispensa do Serviço Militar (para os homens maiores de 18 anos) nos endereços e horários: CAS – Rua Bela Colina, 96, Quintas. Tel: 3232-2827 (Horário de atendimento: das 8h às 17h); COPCD – Avenida Deodoro da Fonseca, 249, Petrópolis. Tel: 99660-8321(Horário de atendimento: das 8h às 17h).

21

Ago

Educação

MEC analisa novo modelo de distribuição de recursos para universidades

O secretário de Educação Superior do Ministério da Educação (MEC), Arnaldo Lima, defendeu, nesta segunda-feira (19), uma nova distribuição de recursos da União para as universidades federais. Para ele, os índices de desempenho seriam um balizador mais adequado para definir o repasse de verbas.

Arnaldo afirmou que as universidades com os melhores índices de governança, por exemplo, deverão ser premiadas. “A forma de exercer autonomia universitária é prestar contas do subsídio que recebe. Então, quem é que presta contas? É aquele que tem melhor governança. Os indicadores de governança fazem com que a gente tenha mais previsibilidade para que não faltem recursos.”

Segundo ele, existem alunos de universidades no Sudeste que custam mais caro que alunos do Nordeste, por exemplo. “Muitas vezes as universidades que se destacam no índice de governança, ou seja, que fazem melhor planejamento, são as que menos recebem recursos”. O secretário falou no 3º Congresso Internacional de Jornalismo de Educação, o Jeduca, ocorrido em São Paulo.

Ele acrescentou que a mudança será discutida com os reitores. Um dos indicadores será o ranking de governança do Tribunal de Contas da União (TCU). Outros índices utilizarão a criação de patentes e de empregabilidade. A previsão é que o debate sobre o tema seja aprofundado entre o final deste ano e meados do ano que vem.

Fonte: Agência Brasil

20

Ago

Educação

Universidade Federal do RN cria prêmio para reconhecer pesquisadores da instituição

A Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) realiza a 1ª edição do Prêmio Pesquisador Destaque da UFRN, com o objetivo de agraciar os pesquisadores da instituição que tenham apresentado relevantes contribuições para o desenvolvimento da ciência. Os interessados têm até o dia 5 de setembro para se inscrever em uma das três grandes áreas do conhecimento: Ciências da Vida; Ciências Exatas, da Terra e Engenharias; e Ciências Humanas e Sociais, Letras e Artes.

Serão escolhidos três pesquisadores, um em cada área, para serem premiados com o auxílio no valor de R$ 5.000,00 para custear passagens aéreas, diárias e taxa de inscrição para apresentar trabalho em evento científico, além de receber certificado de premiação e troféu. 

A cerimônia de entrega do Prêmio será realizada durante a solenidade de encerramento do XXX Congresso de Iniciação Científica e Tecnológica da UFRN (eCICT 2019), no dia 25 de outubro, onde os premiados deverão participar como conferencistas para apresentar a contribuição científica oriunda de sua pesquisa. O edital completo do prêmio está disponível aqui.

20

Ago

Educação

UFRN recebe maior fórum mundial em Automated Deduction

Na próxima sexta-feira, 23, tem início a 27ª Conference on Automated Deduction, ou CADE-27, o maior congresso mundial para a apresentação de aspectos de pesquisa em automated deduction, ou dedução automática, que significa utilizar o computador para verificar componentes de hardware e sistemas em geral, para provar teoremas matemáticos e analisar formalmente argumentos.

A princípio parece complicado mas na prática, como explica a professora do Departamento de Matemática Elaine Pimentel, a dedução automática é utilizada o tempo todo, como por exemplo, na indústria, para verificar se os componentes estão funcionando como deveriam, entre outras aplicabilidades.

Ter um evento deste porte na Universidade Federal do Rio Grande do Norte traz expectativas acadêmicas, afinal envolve mais de 150 pesquisadores de várias partes do mundo, mas também abre a possibilidade para novas parcerias, além do desenvolvimento de ferramentas computacionais de apoio, tanto para a indústria quanto para a universidade.

Nesta edição, o evento recebe como oradores Cas Cremers, do Centro de Segurança da Informação da CISPA Helmholtz, Alemanha; Assia Mahboubi, da Université de Nantes, França;  Vrije Universiteit, Amsterdam; e Cesare Tinelli, do Departamento de Ciência da Computação, Universidade de Iowa, nos Estados Unidos.

Além das palestras, o CADE-27 também oferece os seguintes workshops: Automated Reasoning: Challenges, Applications, Directions, Exemplary Achievements (ARCADE); Deduction Mentoring Workshop (DeMent 2019); Logical and Semantic Frameworks, with Applications (LSFA); Proof eXchange for Theorem Proving (PxTP); Theorem Prover Components for Educational Software (ThEdu’19);

O CADE-27 será realizado no Praiamar Hotel, de 23 a 30 de Agosto. As palestras do dia 23 serão realizadas no Anfiteatro A do CCET UFRN e a palestra do dia 24 no LAB LCC3, no DIMAp. Para mais informações sobre o evento acessehttps://www.mat.ufrn.br/CADE-27/ ou  http://cadeinc.org .

20

Ago

Educação

Abordagem lúdica que mistura livros e plataformas é tendência mundial para formar novos leitores

Para a pedagoga Carolina Sanches, especialista em mídia e educação, o conceito de leituras elásticas é uma tendência do mundo atual para formar novos leitores. Curadora do Fórum de Educação, que vai oferecer programação exclusiva e gratuita para professores durante a 19ª Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro, que começa no próximo dia 30, Carolina afirmou à Agência Brasil que a formação de leitores é um dos maiores desafios do nosso tempo, dominado pela tecnologia. "Um mundo em metamorfose”, reforçou.

Para ela, o destaque entre as estratégias de que educadores podem lançar mão para formar leitores neste novo tempo e que exige transformação também da leitura é a chamada leitura elástica – abordagem lúdica em que se pode misturar livros com outras plataformas. “Eu acredito que isso se dá através da leitura e da ludicidade, ou seja, do livro, dos jogos, do cinema, do Nintendo, do Minecraft. A gente vai misturando. É uma educação remix. Através da mistura de plataformas e linguagens, a gente vai conseguir dialogar com as crianças”, destacou a pedagoga. “A leitura também precisa de metamorfose”, defendeu.

As leituras elásticas chegam para atender a uma demanda de uma nova geração. Para a pedagoga, a educação, hoje, consiste na convergência de diversas plataformas. Segundo Carolina Sanches, os professores e educadores são imigrantes digitais, enquanto os alunos são nativos digitais. “E nós queremos que eles sejam formados leitores da mesma maneira que nós fomos. Não vai dar. São novos tempos. É preciso desapegar de um tipo de formação leitora e migrar para outro.”

Fonte: Agência Brasil