Comunicação, educação e tecnologia

Fale com a gente pelo e-mail blogdajuliska.news@gmail.com e nos siga no Instagram @blogdajuliska.

5

Nov

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) lançou, nesta segunda-feira (4), a plataforma Avaprogesp, voltada à capacitação a distância dos gestores da instituição. A ferramenta, idealizada e desenvolvida em parceria entre a Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp) e a Secretaria de Educação a Distância (Sedis), com apoio da Superintendência de Informática (Sinfo), tem como objetivo aperfeiçoar e modernizar a gestão universitária.

Na ocasião já foi lançado o curso inicial para gestores, construído a partir de consultas ao público-alvo e análises de documentos organizacionais, normativas e orientações dos órgãos de controle. Composto por conhecimentos transversais de todos os níveis da gestão, o curso de 90 horas é dividido em quatro módulos, que abrangem tópicos como administração pública, ética, gestão estratégica e planejamento, gerenciamento de projetos e processos, além de exemplos práticos de aplicação dos conhecimentos na Universidade.

A capacitação é o pontapé inicial da plataforma, onde serão inseridos novos cursos mais específicos para grupos distintos, entre eles chefes de departamento, coordenadores de graduação e pós-graduação. De acordo com o reitor da UFRN, José Daniel Diniz Melo, “a ideia é avançar em todos os níveis da gestão, seja administrativo ou acadêmico. Damos um salto importante contribuindo para a formação dos gestores”.

A Avaprogesp tem como diferencial os recursos interativos que incentivam o engajamento dos usuários, os quais também podem contribuir para a manutenção dos cursos ao sugerir alterações e atualizações nos materiais. Totalmente responsiva para uso em tablets e smartphones, a ferramenta também está inserida no aplicativo Moodle.

Os gestores interessados em acessar a plataforma podem se inscrever no Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (Sigrh), por meio do qual serão criados login e senha para entrada na página de cursos e na sala virtual. O curso inicial estará disponível para início a partir do dia 19 e ficará permanentemente aberto.   

5

Nov

Uma pesquisa realizada pela Celebryts, startup especializada em marketing de influência, apontou como o fim do número de likes visível no Instagram afetou o comportamento dos usuários na rede social.

O estudo analisou o perfil de 340 influenciadores de todas as regiões do Brasil para entender um possível novo comportamento na plataforma. O resultado mostra que o total de posts publicados subiu pouco mais de 8%, enquanto o total de likes e comentários teve uma queda de 11% e 13%, respectivamente.

Para Leandro Bravo, co-founder e CMO da Celebryts, o comportamento mostra que de alguma forma o fim dos likes trouxe alguma liberdade na geração de conteúdos: “Avaliamos este movimento como uma diminuição da pressão por resultados, o que resultou em mais liberdade para os criadores de conteúdo se expressarem de forma genuína”, analisa.

Leandro também ressalta que a startup chegou a considerar o aumento no número de comentários nos posts como uma tendência, já que o like não estaria mais visível. “Entretanto, o resultado nos mostra que isso não aconteceu”, completa. O número de engajamento nos meses pesquisados caiu cerca de 10% entre o primeiro dia e o último.

Efetivamente, ainda é cedo para afirmar que haja uma mudança de comportamento definitiva dos usuários, mas os primeiros resultados já dão uma ideia sobre a relação entre números e a obrigação ou não de curtir um conteúdo.

Fonte: Portal B9, disponível em: https://www.b9.com.br/116816/estudo-mostra-que-fim-dos-likes-diminuiu-a-taxa-de-engajamento-no-instagram/amp/

5

Nov

Empresas de abrangência nacional no setor turismo estão confirmadas na programação do Fórum Turistech – Destinos e Negócios Turísticos Inteligentes do RN, que será promovido pelo Sebrae no Rio Grande do Norte nesta terça-feira (5), a partir das 13h30. O fórum vai abordar, em palestras e painéis, temas essenciais para a competitividade das empresas do setor, como sustentabilidade, vendas, gestão e tecnologia, inovação e governança. Baseados nesses conteúdos, mais de dez especialistas estão apresentando as tendências, ferramentas tecnológicas, boas práticas e casos de empresas que são exemplos nesse segmento. Informações e inscrições pelo 0800 570 0800 ou pelo www.turistech.com.br/.

“O Turistech é uma oportunidade para quem atua nesse setor se atualizar, observar o que é tendência, conhecer ou se aproximar de empresas e ferramentas de gestão e tecnologia disponíveis no mercado, fazer contatos, parcerias e network”, argumenta o gestor do Investe Turismo RN no Sebrae, Yves Guerra. O fórum Turistech integra as ações do projeto Investe Turismo e tem o apoio Ministério do Turismo, Embratur, Secretaria Estadual de Turismo (Setur) e Sistema Fecomercio.

Essa é a terceira edição do Fórum Turistech e visa discutir temas sobre inovação e tecnologia atreladas à cadeia produtiva do turismo no Rio Grande do Norte, dentro do conceito de destinos e negócios turísticos inteligentes. Nomes, como Allessandro Canella (CEO do SelfHotel) e executivo de contas sênior do Decolar.com, integram a lista de palestrantes. Darlam Campos vem ao estado falar sobre a busca pela experiência nas viagens.

No entanto, há mais atrações na programação do evento. As palestras de abertura então dentro do pilar ‘inovação e governança’ - com as palestras ‘Tendências e Inovação na gestão de destinos Turísticos’, com Ítalo Mendes, do Ministério do Turismo, e ‘Estratégias público-privadas para o desenvolvimento do turismo’, que será proferida pelo consultor Andreas Dohle. Também serão apresentados os casos do Voucher Digital, de Barreirinhas (MA), e Hibiscus Beach Club, em Alagoas. Serão debatidos  ainda o Mercado do Futuro do Agenciamento de Viagens e a hospitalidade 4.0.

Parte da programação do evento está dedicada a uma das principais tendências do setor, as vendas pela internet. Estão previstas as palestras “Hotéis e Pousadas - Os pilares do sucesso no mundo on line”, com Felipe Lagreca, “O poder das vendas on line“, com a gerente de contas do Booking.com, Tanite Melo,”Vendas Online - Posicionamento, reputação e presença digital no turismo”, com o CEO da PayTour, Marcus Borges. Já Francine Fernandes e Raphael Guedes, da Fidelizar.net, vão falar as estratégias para fidelizar clientes através de programas de benefícios.

5

Nov

Para reforçar ao público e ao mercado publicitário que seus negócios vão além da rede social que originou seu nome, o Facebook anunciou nesta segunda-feira (4) a atualização da identidade visual da empresa.

De acordo com comunicado enviado pela companhia, o objetivo é diferenciar a rede social dos demais produtos do universo Facebook. Por isso, a nova marca conta com recursos visuais que diferenciam o antigo logo da rede social da identidade da empresa.

Com a nova marca, o Facebook visa se colocar como a empresa responsável pelos diferentes aplicativos que compõem seu ecossistema, como Messenger, Instagram, WhatsApp, Oculus, Workplace, Portal e Calibra.

O posicionamento como grupo já vinha acontecendo desde junho, quando a empresa começou a incluir as palavras “from Facebook” após os nomes de cada um de seus aplicativos. De acordo com a companhia, a nova marca corporativa será aplicada em todo o material de marketing nas próximas semanas.

Fonte: Portal Meio e Mensagem, disponível em: https://www.meioemensagem.com.br/home/midia/2019/11/04/facebook-reformula-marca-para-mostrar-variedade-de-negocios.html

5

Nov

No Brasil, 35 novos casos de câncer são diagnósticos por dia, entre crianças e adolescentes de 01 a 19 anos. Diante dessa realidade a Confederação Nacional das Instituições de Apoio e Assistência à Criança e ao Adolescente com Câncer – Coniacc juntamente com as 50 instituições e casas de apoio filiadas espalhadas pelo Brasil promovem neste mês de novembro, ações de alerta e conscientização ao diagnóstico precoce, em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil (DNCCI) – referendado em 23 de novembro.

No Rio Grande do Norte, a Casa Durval Paiva vai promover o XIV Fórum do Diagnóstico Precoce no dia 20 de novembro, das 9 às 17h, no auditório do CTGAS/SENAI, na Av. Capitão-Mor Gouveia, 2770 - Lagoa Nova, visando capacitar os profissionais da saúde, estudantes e demais interessados na temática. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pela internet http://bit.ly/2P7HOWi mediante a doação de uma lata de leite em pó, a ser entregue no dia do evento.

Entre os principais objetivos da data estão o estímulo de ações educativas e preventivas relacionadas ao câncer infantojuvenil; promoção de debates e eventos sobre políticas públicas de atenção integral às crianças e adolescentes com o câncer; apoio as atividades organizadas e desenvolvidas pela sociedade civil em prol dos pacientes; divulgação sobre avanços técnico-científicos relacionados à doença e principalmente apoio às crianças, adolescentes e seus familiares.

Para o presidente da Coniacc e da Casa Durval Paiva, Rilder Campos, o DNCCI chega para sintetizar todo o processo de trabalho e dedicação que acontece ao longo do ano. “Enfatizamos a data colocando em vista a divulgação dos sinais de alerta da doença para que a sociedade desenvolva uma cultura de entendimento de que o câncer infantojuvenil existe e que pode ser curado, se o diagnóstico for feito precocemente. Todas as instituições e casas de apoio estarão mobilizadas em divulgar e promover mais um grande Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil”, explica.

5

Nov

Publicação sediada em Mossoró/RN, a Revista Acontece completou 9 anos, desenvolvendo ampla periodicidade, com circulação em  todos os municípios do Rio Grande do Norte. Lançada em 30 de outubro de 2010, a Revista Acontece deriva de projeto de seus diretores, Marcelo Bento e Neide Carlos. A ACONTECE seguiu a periodicidade anual até 2017. Ações desenvolvidas em municípios do RN e as atividades do segmento econômico-empresarial pautaram as reportagens dos primeiros sete anos de atuação.

Em 2018, Marcelo Bento e Neide Carlos idealizaram um novo projeto, que previa mudança no trabalho desenvolvido: avaliava se ampliar a periodicidade da publicação, tornando-a mensal. Tal projeto se concretizou, sendo implementado a partir da edição de março de 2018. 

“Meu objetivo era fortalecer a empresa e identifiquei uma lacuna no mercado da comunicação. Acreditei no segmento de revista e decidi que o caminho era transformar a ACONTECE em uma publicação mensal”, conta Neide Carlos, ao também avaliar os resultados desse investimento. “Desde o ano passado, a revista vivencia uma nova fase, com a ampliação da periodicidade. O balanço que faço é muito positivo, visto que fortalecemos nossa atuação”, completa. 

Para Marcelo Bento, também diretor-geral da ACONTECE, os nove anos da revista significam superação. “Acho que superação é uma palavra que define muito bem a trajetória da Revista Acontece. Temos trabalhado para colocar a revista no mercado e, com muita dedicação, propiciar conteúdos de qualidade”, ressalta. A Revista Acontece é disponibilizada nas versões digital e impressa.

4

Nov

O ano de 2019 está indo embora e com isso chega o momento de avaliar o que deu certo e o que deu errado nos negócios. Contudo, mais importante do que esse balanço, é criar um plano de ação para o ano que está chegando. Todo bom empreendedor sabe que sem um planejamento financeiro não é possível garantir uma vida longa à sua empresa. E nada melhor do que fazer isso agora para não passar perrengue depois.

Um planejamento financeiro serve para fazer a previsão de receitas e despesas de um negócio, buscando reduzir aquelas que são transitórias ou dispensáveis. Assim, o empreendedor vai saber quanto ele poderá faturar, gastar, investir e lucrar.

Para o contador e CEO da Way Contabilidade, Péricles Medeiros, um bom planejamento passa pelo conhecimento do empreendedor sobre o seu negócio. “É preciso ter conhecimento real da situação financeira, inclusive de todas as despesas da empresa. Muitos empresários só se concentram nas suas receitas, mas existe um fator importante e escondido em suas organizações que são as despesas invisíveis, provocadas por processos ineficientes, etapas desnecessárias que encarecem a produção, excesso de burocracia, falta de tecnologia, entre outros”, explicou.  

Cuidar desse plano de ação sozinho não é tarefa fácil. Por isso, o empreendedor precisa da ajuda de bons profissionais. Ele também deve contar com a sua equipe, principalmente com aqueles colaboradores que são as peças-chave nos setores estratégicos da empresa. “Buscar ajuda de um profissional que tenha conhecimento de gestão estratégica é essencial.  Tanto a elaboração quanto a execução do planejamento devem ser acompanhadas. Não adianta ter um bom plano se a execução não será aplicada. Ainda é necessária uma ampla discussão com a equipe da empresa para que todos tenham consciência das metas de faturamento e de gastos”, alertou.

Conjuntura Econômica

Todo o histórico econômico do negócio servirá como experiência para a construção de uma nova realidade a ser enfrentada. É importante analisar a conjuntura econômica nacional e regional para tomar as melhores decisões e não cair em situações de risco. Péricles Medeiros explica que o empresário deve levar em consideração todos os cenários, mas pelo menos três devem ser projetados:  um ideal, um ruim e outro péssimo.

 “As empresas que dependem de clientes que recebem seus salários de órgãos públicos, por exemplo. Já deve estar previsto no planejamento que, em caso de atraso dos salários dos servidores, a empresa perderá receitas. Como consequência, deve pensar na alternativa de retomada do faturamento”, ensinou.

Para finalizar, o especialista dá uma dica valiosa para quem não quer deixar seu negócio sair dos trilhos. “Um dos segredos de um bom planejamento financeiro é medir o que está gerenciando. Tem uma frase que grandes estudiosos sempre mencionam quando se fala em gestão: ‘Não é possível gerenciar o que não se mede’. Depois, é só colocar a mão na massa e trabalhar muito para garantir o sucesso da sua empresa”.

4

Nov

A “Democratização do acesso ao cinema no Brasil” foi o tema da redação do Enem 2019, que teve o primeiro dia de provas realizado ontem (03). A temática causou surpresa entre muitos alunos e professores. Menos entre os estudantes do Colégio Ciências Aplicadas, que trabalharam em sala de aula assuntos muito próximos do que foi cobrado na prova.

A professora Clarissa Maranhão, que há dez anos dá aulas de Português no Ciências Aplicadas, levou para os estudantes os seguintes assuntos: “Democratização do acesso à produção cultural no Brasil” e “O espaço do lazer na vida do cidadão brasileiro contemporâneo”. Os conteúdos deram o suporte necessário para garantir um bom desempenho nessa primeira etapa do exame. “A gente trabalha sempre com assuntos mais abrangentes para o aluno entender que o que vai ser cobrado no Enem é o mais específico, como foi o caso de ontem. Nós falamos da democratização da cultura e isso deu as condições do nosso aluno falar sobre o cinema, que está dentro desse contexto”, explicou.

Segundo a professora, as escolhas dos assuntos trabalhados em sala de aula estão em sintonia com o histórico do Exame Nacional do Ensino Médio e sempre levam em conta problemáticas atemporais do Brasil e assuntos de discussão nacional. Clarissa não escondeu a satisfação quando percebeu que quase acertou o tema da redação deste ano. “Foi uma satisfação enorme ver que o nosso trabalho deu condições deles fazerem uma boa prova. Senti uma alegria muito grande e uma sensação de dever cumprido”, afirmou.

A estudante do Colégio Ciências Aplicadas, Heloisa Wanderley, que fez a prova do Enem ontem, comemorou o tema da redação. “A segurança que eu senti quando vi o tema foi surreal. Dei um sorriso na mesma hora e automaticamente lembrei das referências que a professora deu durante a aula”, contou.

Quem também comemorou foi o professor Alexandre Pinto, diretor do Colégio Ciências Aplicadas. Ele destacou a qualidade do trabalho desenvolvido durante a preparação para o Enem e ressaltou, ainda, o diferencial da equipe de professores. “Temos certeza que trabalhamos da melhor maneira possível os conteúdos para quem quer ser aprovado no Enem. Uma das provas já veio de cara com o tema da redação. Isso só mostra que temos uma equipe de professores competente e antenada. Tudo isso, junto com o esforço e a dedicação dos nossos alunos, vai fazer toda a diferença no resultado, sentenciou. 

4

Nov

Para efetivar as vendas de meios de hospedagem, o mercado já dispõe de ferramentas tecnológicas e estratégias que captam diretamente esse novo perfil de visitante que está conectado à internet, sem ter de recorrer a plataformas de terceiros. Mas para isso, é preciso saber como usar o marketing digital da forma adequada para atrair, reter e converter a venda entre esse público. Essa é a opinião de Allessandro Canella, CEO do SelfHotel, uma plataforma para ajudar hotéis e pousadas a ampliar a geração de negócios e vendas diretas, utilizando ferramentas digitais que reúnem uma série de soluções para automação de marketing.

As ferramentas corretas de alavancar as vendas serão apresentadas para o público de Natal, durante a terceira edição do Fórum Turistech 2019, um evento promovido pelo Sebrae no Rio Grande do Norte para discutir temas sobre inovação e tecnologia atreladas à cadeia produtiva do turismo no Rio Grande do Norte, dentro do conceito de destinos e negócios turísticos inteligentes. O fórum será realizado na próxima terça-feira (5), a partir das 13h30h, na sede da instituição, em Natal. Informações pelo 0800 570 0800 ou pelo www.turistech.com.br/.

O fórum vai abordar, em palestras e painéis, os temas essenciais para a competitividade das empresas do setor, como sustentabilidade, vendas, gestão e tecnologia, inovação e governança. Baseados nesses conteúdos, mais de dez especialistas estão apresentando as tendências, ferramentas tecnológicas, boas práticas e casos de empresas que são exemplos nesse segmento.

Na abertura, o tema o pilar inovação e governança com as palestras ‘Tendências e Inovação na gestão de destinos Turísticos’, com Ítalo Mendes, do Ministério do Turismo, e ‘Estratégias público-privadas para o desenvolvimento do turismo’, que será proferida pelo consultor Andreas Dohle. Também serão apresentados os casos do Voucher Digital, de Barreirinhas (MA), e Hibiscus Beach Club, em Alagoas. Também serão debatidos o Mercado do Futuro do Agenciamento de Viagens e a hospitalidade 4.0.

Parte da programação do evento está dedicada a uma das principais tendências do setor, as vendas pela internet. Estão previstas as palestras “Hotéis e Pousadas - Os pilares do sucesso no mundo on line”, com Felipe Lagreca, “O poder das vendas on line“, com a gerente de contas do Booking.com, Tanite Melo,”Vendas Online - Posicionamento, reputação e presença digital no turismo”, com o CEO da PayTour, Marcus Borges. Já Francine Fernandes e Raphael Guedes, da Fidelizar.net, vão falar as estratégias para fidelizar clientes através de programas de benefícios.

“O Turistech é uma oportunidade para quem atua nesse setor se atualizar, observar o que é tendência, conhecer ou se aproximar de empresas e ferramentas de gestão e tecnologia disponíveis no mercado, fazer contatos, parcerias e network”, argumenta o gestor do Investe Turismo RN no Sebrae, Yves Guerra. O fórum Turistech integra as ações do projeto Investe Turismo e tem o apoio Ministério do Turismo, Embratur, Secretaria Estadual de Turismo (Setur) e Sistema Fecomercio.

 

4

Nov

O debate e os novos formatos da comunicação legislativa no Brasil foram tema de reunião na sexta-feira (1) passada na Câmara dos Deputados, em Brasília. A ideia é otimizar as ações de comunicação feitas pela assessoria, setor de redes sociais, relações institucionais, rádio e televisão legislativa.

“A transparência do legislativo, incluindo compartilhamento de campanhas institucionais e material informativo produzido pela rádio e TV Assembleia estão em foco em todo o Brasil. Debatemos o Plano de Comunicação que será apresentado as casas legislativas”, comenta a diretora de Comunicação da Assembleia Legislativa, a jornalista Marília Rocha.

O foco foi a produção do Plano de Trabalho 2020/2021 e as diretrizes de comunicação que serão desenvolvidas pela Associação Brasileira de Televisões e Rádios Legislativas (Astral), que tem como vice-presidente a também jornalista Evelin Maciel, coordenadora da Rede Legislativa da Câmara dos Deputados.

A diretora Marília Rocha - especialista em Gestão Pública e Comunicação Legislativa - comentou ainda que o pioneirismo da comunicação da Assembleia em canais legislativos como a Tv Assembleia e o destaque das campanhas e redes sociais são reconhecidos nacionalmente.

Outros pontos como a implementação da agenda regulatória para junto a Anatel, MCTIC e Congresso Nacional; além do compartilhamento de conteúdo e acessibilidade; uniformidade de conteúdo no período eleitoral e o intercâmbio técnico das emissoras legislativas foram comentados.