Comunicação, educação e tecnologia

Fale com a gente pelo e-mail blogdajuliska.news@gmail.com e nos siga no Instagram @blogdajuliska.

12

Nov

Será no dia 30 de novembro que a jornalista Lídia Pace, apresentadora do RN 2ª edição, da InterTV Cabugi, irá representar o RN na apresentação do Jornal Nacional por um dia, em uma iniciativa da TV Globo que comemora os 50 anos do programa jornalístico de maior audiência do país. A participação de Lídia encerra a rodada em que jornalistas de todo o país tiveram a oportunidade de representar seus estados na bancada do JN.

A expectativa está grande e jornalistas, amigos e fãs de Lídia Pace estão promovendo uma campanha com a hashtag #LídiaPacenoJN, para personalizar as fotos de perfil com o apoio à jornalista potiguar. Para aderir, basta acessar a partir do link https://twibbon.com/support/l%C3%ADdia-pace-no-jn

“Apresentar o jornal de maior audiência do país será ao mesmo tempo o maior sonho realizado e a maior responsabilidade na minha carreira como jornalista. Espero poder representar bem meu Estado e meus colegas de profissão”, disse Lídia ao blog, ao saber que havia sido a escolhida no RN.

A comunicação da escolha - feita por sorteio - foi feita por e-mail de William Bonner, editor-chefe do JN. Lídia tem 19 anos de formada e o mesmo tempo de atuação em TV comercial. Está na InterTV há 13 anos, 12 como apresentadora. Formada pela UFRN, foi editora da Rádio universitária, apresentadora e repórter de rede da TV Ponta Negra; editora e apresentadora da TV Assembleia e além de apresentadora, é também editora e repórter de rede da Intertv.

12

Nov

A Geração Z é um importante grupo de consumidores, que, além de pesquisar na internet, também procura as lojas físicas antes de fazer suas compras. Embora gastem boa parte de seu tempo utilizando dispositivos móveis para pesquisar e informar-se, é comum que queiram visitar lojas físicas para testar, avaliar, fazer descobertas e tirar dúvidas.

O estudo, conduzido pela CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) e pelo SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) em parceria com o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), mostra que 77% desses jovens utilizam os meios off-line com mais frequência para realizar compras de produtos e serviços, como as lojas de rua (48%) e os shopping centers (42%). Ao mesmo tempo, 71% preferem utilizar os meios on-line, especialmente sites de lojas (52%).

A maioria dos jovens afirma que pagam suas compras na maior parte das vezes à vista (65%), principalmente em dinheiro (38%) e no cartão de débito (12%). Outros 31% pagam a prazo com destaque para o cartão de crédito (23%). A maior parte dos jovens pesquisados (57%) afirmou que tentou fazer alguma compra nos últimos três meses da data de realização da pesquisa e não conseguiu por falta de crédito.

Internet e tv aberta são os meios de comunicação mais consumidos

A pesquisa indica que os jovens da Geração Z ainda utilizam os meios de comunicação off-line e online praticamente na mesma proporção. Assim, considerando os que mais assistem, leem e ouvem, 77% mencionam as modalidades off-line, sobretudo a TV aberta (48%), a TV por assinatura (36%) e o Rádio (24%). Ao mesmo tempo, 68% já preferem os meios on-line, principalmente os portais na internet (66%) e os podcasts (11%). Os tipos de programa mais consumidos são os filmes e seriados (66%), música (49%), humor (46%) e games/jogos eletrônicos (33%).

Depoimento de usuários e indicação de amigos são fatores de influência na compra

Conectados e bem informados, os jovens da Geração Z valorizam as experiências de outros consumidores ao escolherem uma marca ou uma loja para realizarem suas compras. De acordo com a pesquisa, no processo de escolha de um produto ou serviço, o depoimento de outros usuários é o principal fator de influência (32%), seguido da indicação de amigos ou conhecidos (21%), dos especialistas ou profissionais (18%) e dos familiares (17%).

“Cada vez mais, esses novos consumidores serão atraídos por marcas que demonstrem coerência entre aquilo que propagam e o que são na prática. O produto ou serviço precisa corresponder ao que promete, pois as opiniões desses jovens viralizam rapidamente e podem influenciar muito a decisão de outros clientes e potenciais consumidores. Além disso, a Geração Z está acostumada a buscar informações sobre aquilo que quer – seja por meio de amigos ou de outros usuários e consumidores que compartilham opiniões e vivências reais nas redes sociais. Quando decidem visitar a loja física, eles já estão conscientes de suas preferências”, diz Costa.

12

Nov

Imersos desde crianças num mundo mediado pelas telas dos smartphones e com possiblidade de acesso ininterrupto à informação, a Geração Z tem uma predileção por atividades de lazer on-line. É o que indica o estudo conduzido pela CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) e pelo SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) em parceria com o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas).

Dados do levantamento mostram que 54% dos jovens de 18 a 24 anos afirmam que nos momentos de lazer, a atividade mais comum é navegar na Internet. Seguido de ouvir música (53%) e assistir filmes, seriados, novelas e programas em geral (51%). A constante conectividade e exposição desses jovens faz com que eles se preocupem com a aparência física e com a autoimagem, uma vez que 92% tomam alguma atitude para ficar mais bonitos e se sentir bem e confiantes.

De acordo com a pesquisa, 47% dos jovens costumam comprar roupas, sapatos e acessórios. Enquanto 46% afirmam que cuidam dos dentes, 41% procuram se alimentar de forma saudável e 40% fazem atividades físicas. Somente 8% admitem não fazer nada com este objetivo. Esses jovens também parecem dispostos a investir na qualidade de vida, uma vez que nove em cada dez entrevistados dizem que tomam algum cuidado com a saúde (94%), sendo que os principais são dormir bem (48%) e fazer exercícios físicos (45%) e evitar pensar em coisas negativas (44%).

O presidente da CNDL, José César da Costa, aponta que a constante presença nas redes sociais faz com que os jovens da Geração Z tenham uma preocupação com a autoimagem, uma vez que estão sujeitos a um alto grau de exposição. “Esses jovens estão sempre conectados e as redes sociais são extensões de sua personalidade. São pessoas cuja trajetória de vida é acompanhada de perto em postagens públicas de vídeos e fotos nas redes sociais, onde percebe-se que há uma atenção no cuidado com a própria imagem”, afirma Costa.

12

Nov

YouTube atualizou os seus termos de serviço, que entram em vigor a partir do próximo dia 10/12, e uma nova regra chamou a atenção, especialmente dos criadores de conteúdo. Na seção “Suspensão e Encerramento de Contas” há o tópico “Encerramentos pelo YouTube para Alterações de Serviço”, que explica em quais ocasiões a plataforma pode encerrar uma conta. No tópico foi adicionado o seguinte termo:

“O YouTube pode encerrar o seu acesso ou o acesso da sua conta do Google a todo ou parte do Serviço se o YouTube acreditar, a seu exclusivo critério, que a prestação do Serviço para você não é mais comercialmente viável”.

Isso significa que se o YouTube considerar que a sua conta não traz lucro para a plataforma, a empresa poderá excluir sua conta. Conforme escrito, os termos dão ao YouTube o poder de excluir as conta de criadores de conteúdo que, por exemplo, não geram receita publicitária suficiente.

Na semana passada, o YouTube começou a enviar um email para seus usuários, notificando-os sobre os novos termos de serviço do site. Na mensagem, a plataforma resume a atualização como uma maneira de tornar seus termos mais claros e fáceis de entender. No entanto, essa nova regra não foi mencionada no texto.

Outro ponto que ao ficou claro na atualização é em relação às contas dos espectadores do YouTube, ou seja, das pessoas que não geram conteúdo, só consomem. Em teoria, os termos são gerais, ou seja, cobrem qualquer pessoa que tenha uma conta a plataforma, não apenas os criadores de conteúdo.

Vale ressaltar também que os termos especificam que a empresa pode encerrar a conta do Google de um usuário, o que na prática significa perder Gmail, Google Fotos e muito mais.

Fonte: Portal B9, disponível em: https://www.b9.com.br/117112/novas-regras-do-youtube-permitem-encerrar-contas-que-nao-sao-comercialmente-viaveis/

12

Nov

Imagine lançar um negócio no mercado e conseguir em apenas dez dias o número de clientes que normalmente levaria anos para se conquistar. Isso é o que promove o growth hacking, uma nova tática de crescimento acelerado de negócios, surgida entre as startups de alto crescimento do Vale do Silício, nos Estados Unidos, e que está ganhando o mundo. Essa metodologia é considerada a nova arma para o marketing digital porque usa os canais digitais para maior performance e distribuição da mensagem visando a aquisição e conversão de novos clientes.

O tema é difundido no Brasil pelo matemático, empreendedor e co-fundador da primeira agência de growth hacking do país, a Growth Team, Bráulio Medina. Ele vem a Natal participar da Arena Sebrae de Transformação Digital, que será realizada nos dias 19 e 20, na Arena das Dunas. O professor do IBMEC-RJ e fundador da Vortio será um dos palestrantes do evento. “Vamos falar ao público sobre metodologias e ferramentas do mundo digital que propiciam os melhores resultados a nível de produtividade e gestão da comunicação e do marketing”, diz Bráulio Medina.

Ele, que é especialista em marketing de conteúdo e mídias sociais, garante que o growth hacking serve não apenas para startups mas para qualquer tipo de negócio, incluindo micro e pequenas empresas. “O aspecto central é que a mentalidade de hacker aplicada a qualquer tipo de crescimento de negócio é bem recebida e muito valiosa”.  A Arena Sebrae de Transformação Digital pretende trazer a Natal as principais novidades em termos de inovação em marketing e gestão de pequenos negócios.

O evento vai apresentar ferramentas inovadoras e acessíveis aos pequenos negócios, informações de mercado, tendências, palestras, mostrando de maneira prática como a empresa ou futuro negócio pode se inserir no novo cenário de transformação digital. As inscrições podem ser feitas pela internet no site www.arenadigitalsebrae.com.br/ e informações pelo 0800 570 0800.

O evento terá seis espaços. Um deles é de aplicativos voltados para gestão de empresas. O espaço vai oferecer informações sobre diversas ferramentas digitais e aplicativos para a gestão eficiente do negócio, nas áreas de vendas, finanças, organização, orçamentos, controles para o MEI.

12

Nov

Nesta segunda-feira (11) o Google revelou os vencedores da edição 2019 do Google News Initiative, projeto criado para impulsionar digitalização e a inovação de veículos jornalísticos em diversas partes do mundo.

Desta vez, a iniciativa selecionou 30 projetos criados por diferentes veículos de diversos países da América Latina, sendo 12 deles criados por empresas brasileiras. Ao todo, serão distribuídos R$ 16,5 milhões para a aplicação e o desenvolvimento de todas essas ideias.

De acordo com o Google, o Brasil foi a nação da América Latina com o maior número de projetos contemplados. Receberão recursos da companhia projetos de O Globo, Piauí, Associação Desenrola, Grupo Bandeirantes, AzMina, Congresso em Foco, Abraji, Aos Fatos, Jornal do Commercio, JOTA, Estadão e Agência Pública. Os detalhes de todos os projetos contemplados estão no site oficial do Google News Initiative.

Fonte: Portal Meio e Mensagem

Disponível em: https://www.meioemensagem.com.br/home/midia/2019/11/11/google-ia-fomentar-12-projetos-jornalisticos-brasileiros.html

12

Nov

O Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) realizou mais uma conquista Nacional. O Instituto recebeu, na etapa nacional da Olimpíada Brasileira de Astronomia (OBA), seis medalhas de ouro. Além da premiação ouro conquistada por estudantes dos campi Mossoró, Apodi, Santa Cruz e Parnamirim do IFRN, alunos dos campi Ceará-Miriim, Nova Cruz, Caicó e Currais Novos receberam medalhas de prata e bronze. A OBA é realizada anualmente pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB) entre alunos de todos os anos do ensino fundamental e médio, em todo território nacional.

A Olimpíada possui uma única fase que consiste na realização de uma única prova com 10 questões. O exame é realizado, simultaneamente, em todas as escolas participantes e, anualmente, pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB), entre alunos de todos os anos do ensino fundamental e médio em todo território nacional.

A professora de Física do Campus Parnamirim, Aline Gomes, parabenizou todos os alunos que participaram da OBA e destacou que as olimpíadas de ciências "contribuem para a formação científica dos estudantes através de resolução de problemas teóricos e práticos". Aline espera ainda que esse destaque nacional "sirva de incentivo para outros estudantes do Instituto". 

O representante da OBA no Campus Apodi e também professor de Física, Francisco de Assis Souza, comentou a importância do evento para os alunos e para o IFRN. "Esperamos que o contato dos alunos com atividades teóricas e práticas de Astronomia e Astronáutica desperte, cada vez mais, o interesse e o prazer em estudar ciências, a fim de que essa premiação sirva de incentivo para mais alunos participarem da competição", disse. 

12

Nov

O Programa de Geologia e Geofísica Marinha (PGGM), uma das redes de pesquisa mais antigas do país, que acaba de completar 50 anos de atuação, reconheceu a contribuição da UFRN nas áreas de geofísica, geologia e oceanografia. A comenda, entregue ao vice-reitor Henio Ferreira de Miranda, foi recebida pelas pesquisadoras Helenice Vital (Departamento de Geologia), Iracema Miranda (Museu Câmara Cascudo) e Zuleide Carvalho (Departamento de Geografia) durante evento em Porto Alegre (RS), com as presenças da Marinha do Brasil, Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), CAPES e CNPq.

Para o professor Henio, é um orgulho receber esse reconhecimento. “Só temos a nos orgulhar dessa comenda, agradecer e elogiar toda equipe dos departamentos de Geologia, Geografia e do MCC pela pela bonita participação nesse congresso e pelo trabalho que vem realizando nas Ciências do Mar”, destacou.

Henio disse ainda que a Universidade tem atuado na vanguarda da pesquisa e da luta pela preservação do Meio Ambiente que, inclusive, é um dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). “Neste momento que passamos por essa crise, por causa do derramamento de óleo que tem chega à nossas praias, a Universidade tem sido fundamental com relação as pesquisas da dosagem de óleo e da contaminação da fauna e da flora marítima”, reforçou o vice-reitor.

No Rio Grande do Sul, a UFRN foi a universidade que mais levou participantes, sendo a maioria do grupo constituída por alunos. A comemoração do meio século de atuação do PGGM foi realizada durante o 2º Simpósio Brasileiro de Geologia e Geofísica Marinho, reunindo os estudiosos das várias áreas envolvidas com a pesquisa marinha.

12

Nov

Nesta terça-feira, dia 12 de novembro, a Classe Hospitalar do Hospital Infantil Varela Santiago - primeira do Rio Grande do Norte - completa 10 anos de atividades e para comemorar lança, o livro “Os Super Heróis do Hospital” escrito por crianças participantes do projeto. O evento tem homenagens, apresentação musical e sessão de autógrafos com os pacientes autores do livro. A iniciativa da Classe Hospitalar permite que crianças e adolescentes internados continuem sua formação escolar. O projeto é uma parceria com a Secretaria de Estado da Educação e Cultura (SEEC/RN) e Secretaria Municipal de Educação (SME/Natal) através da parceria firmada com o Termo de Cooperação Técnica.

A ideia surgiu há dez anos, por iniciativa da Professora Simone Maria da Rocha, que implementou no Hospital Infantil Varela Santiago o projeto denominado “Escola no Hospital” com o objetivo de realizar atendimento pedagógico educacional para as crianças internadas, de maneira voluntária. Considerando tamanho impacto das ações educativas, iniciou-se no mesmo ano um movimento de mobilização da Instituição para responsabilização dos entes públicos no tocante a escolarização hospitalizada.

Embora não tenha havido naquele momento respostas positivas ao pleito, O Hospital Varela Santiago compreendendo e valorizando o serviço educacional realizado, implementou por conta própria a Classe Hospitalar, em 1° de junho de 2009. Somente no ano de 2010, após engajamento da Defensora Pública Elisângela Moura, do Departamento da Procuradoria da União e, por conseguinte do Comitê Interinstitucional de Resolução Administrativa de Demandas da Saúde – CIRADS o serviço foi legalmente reconhecido e se formalizou a primeira parceria com o município de Natal.

A classe hospitalar do Varela Santiago tornou-se referência no Rio Grande do Norte na garantia do direito básico à educação para crianças e adolescentes, mitigando as desigualdades sociais de maneira inclusiva, igualitária e com qualidade. O serviço de educação hospitalar do HIVS é desenvolvido por uma equipe docente concedida pela SEEC/RN e SME/Natal. O quadro docente é coordenado por uma pedagoga contratada pelo HIVS e assessorado por técnicas das secretarias. As aulas acontecem em cinco enfermarias da instituição nos períodos matutino e vespertino.

12

Nov

Uma boa notícia para os jovens praticantes de basquete em Natal. A partir do próximo ano, a NBA (National Basketball Association), a principal liga do esporte do mundo, vai estar representada na cidade. A presença se dará por meio de parceria estabelecida com o Complexo Educacional Contemporâneo, onde um núcleo de escolinha será instalado.

Trata-se do NBA Basketball School, programa da própria liga que vai instituir dentro da escola a capacitação e a metodologia aplicadas nos Estados Unidos. O propósito é promover o desenvolvimento da modalidade entre meninos e meninas de 9 a 17 anos, com a implantação de núcleos de escolinha de basquete ao redor do mundo.

Os treinamentos são ministrados pelos próprios instrutores da NBA para seguirem a cartilha da liga à risca. Tudo para preparar atletas, lapidar talentos e apresentar valores que são fundamentais para a formação dos jovens praticantes da modalidade como seres humanos.