Comunicação

13

Mar

Comunicação

Assembleia do RN anuncia medidas em relação ao coronavírus e suspensão de atividades; campanha de comunicação busca esclarecer sobre doença

O surto do coronavírus atinge o Rio Grande do Norte com pacientes confirmados com o diagnosticado. Em razão disso, a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte adota medidas de prevenção à doença, classificada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), como pandemia.

O decreto assinado pela Mesa Diretora – que será publicado neste sábado (14) – determina um conjunto de regras e procedimentos com o objetivo de evitar a propagação da doença. “As medidas são de segurança e precaução em conformidade com as ações preconizadas pela Organização Mundial de Saúde e já anunciadas pelo Congresso Nacional e entidades governamentais. As ações legislativas estão preservadas e o andamento dos projetos de lei e iniciativas do legislativo estadual”, explica o deputado Ezequiel Ferreira, presidente da Assembleia Legislativa.

De acordo com a normativa assinada pelo Legislativo, fica estabelecido que só terão acesso à sede e anexos da Assembleia Legislativa os deputados, servidores, terceirizados e demais prestadores de serviços, além dos profissionais da imprensa, de entidades e órgãos públicos e quem, por justificativa, necessitar do ingresso para tratar de questões urgentes, salvo situações excepcionais autorizadas pela Diretoria-Geral da Casa.

Hoje, uma comissão formada por médicos, diretores administrativos e servidores anunciaram em reunião as recomendações para a equipe do legislativo. A recomendação é que deputados estaduais, servidores do legislativo e prestadores de serviços que apresentem sinais da doença ou que tenham circulado em locais onde houve infecção por Coronavírus (COVID-19), sejam temporariamente afastados do exercício de suas atividades, por até 14 (quatorze) dias, a partir do seu reingresso ao domicílio.

Também está determinada a suspensão, por tempo indeterminado, de audiências públicas, sessões solenes, reunião das comissões, homenagens e eventos coletivos, nas dependências da Casa.

Comunicação da Assembleia Legislativa promove campanha pela prevenção do Coronavírus

A direção de Comunicação da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte preparou uma campanha de orientação sobre a prevenção do Coronavírus que se destaca pelo conteúdo informativo e pela bela apresentação visual. As peças estão sendo divulgadas nas mídias sociais e listas de transmissão, como forma de manter os parlamentares, servidores e visitantes da Casa bem informados sobre as ações necessárias diante do anúncio da pandemia.

“É importante que a população esteja bem informada sobre os sintomas, formas de prevenção e de contágio do novo coronavírus. Não só para evitarmos que surjam casos no Rio Grande do Norte, como também combatermos a desinformação e o pânico”, afirma a publicitária Priscilla Azevedo, que idealizou as peças.

Junto da orientação visual, a AL tem distribuído textos informativos sobre os principais cuidados. Confira, abaixo, as peças da campanha:

     

 

13

Mar

Comunicação

Câmara de Natal inicia protocolo de prevenção ao novo coronavírus

A Câmara Municipal de Natal, através da sua Mesa Diretora, deu início nesta sexta-feira (13) à aplicação de medidas referentes ao protocolo de saúde que visa prevenir a infecção e propagação do COVID-19, novo coronavírus, no âmbito da Casa e preservar a saúde dos servidores, visitantes e parlamentares.

A medida ocorreu devido à confirmação por parte da Secretaria de Estado da Saúde Pública do primeiro caso da doença no Rio Grande 
do Norte, mais precisamente na cidade do Natal, e ao aumento de casos da doença no país.

Para isso, o acesso ao Palácio Padre Miguelinho estará restrito apenas aos vereadores e vereadoras, servidores, prestadores de serviço e terceirizados, bem como profissionais de comunicação/imprensa, salvo situações excepcionais  autorizadas previamente pela Mesa Diretora.

Entre as medidas adotadas pelo Legislativo natalense estão a suspensão, por tempo indeterminado, da realização de audiências públicas, sessões solenes, reuniões de Frentes Parlamentares e qualquer homenagem e eventos coletivos nas dependências da Casa. 

Ficam mantidas apenas as Sessões Ordinárias e reuniões de Comissões, com acesso limitado ao público já citado anteriormente.

Confira a nota oficial da Câmara Municipal de Natal:

13

Mar

Comunicação

Mulheres potiguares são homenageadas em solenidade na Câmara Municipal de Natal

Em virtude do Dia Internacional da Mulher, comemorado em 08 de março, a Frente Parlamentar da Mulher da Câmara Municipal de Natal realizou na noite desta quinta-feira (12), uma sessão solene para celebrar todas as mulheres que contribuem para o engrandecimento do Município. Chefes de família, religiosas, professoras, empresárias, doutoras, filantropas, são alguns dos perfis das 28 homenageadas da noite que, representando todas as mulheres da cidade, receberam a Comenda Júlia Alves Barbosa, primeira vereadora da América Latina, orgulho da capital potiguar e um dos exemplos que engrandecem a tradição de pioneirismo das potiguares por emancipação e acesso aos espaços de poder. 

"Se é de luta que se faz o 8 de Março, não poderia deixar de iniciar minhas palavras lembrando que neste sábado, dia 14, completa dois anos do assassinato da vereadora carioca, mulher, negra, de periferia, bissexual e militante dos direitos humanos. A execução de Marielle, além de um crime revoltante, representa um verdadeiro atentando à democracia, que atinge a todas nós, especialmente às políticas, detentoras de mandato, de forma pessoal. Se a tentativa era silenciar, saibam que hoje sua voz combativa é também a nossa voz", destacou a vereadora Júlia Arruda (PDT), coordenadora da Frente Parlamentar da Mulher.

Por sua vez, a vereadora Nina Souza (PDT) falou que ainda existe muito machismo na sociedade brasileira. "É uma questão cultural que precisa ser enfrentada.Temos que combater esse desequilíbrio de forças entre homens e mulheres. O que se espera é que a sociedade evolua, cada vez mais, no sentido da busca pela igualdade e valorização feminina".  

Já a vereadora Divaneide Basílio (PT) disse que a solenidade constitui uma agenda que possibilita refletir sobre a situação da população feminina. "Trata-se de promover valorização, autoestima, visibilidade e reconhecimento da importância das mulheres para a história da humanidade. Considerando, inclusive, a condição de opressão de gênero e racial/étnica em que vivem muitas mulheres, explícita em diferentes situações cotidianas", avaliou.

Os números atestam que há muito a fazer. No Brasil, a cada dois segundos uma mulher é vítima de violência física ou verbal; a cada 1,4 segundo há uma vítima de assédio (Fonte: Relógios da Violência, do Instituto Maria da Penha); no trabalho, as mulheres ganham 77% do salário dos homens (Fonte: IBGE, quarto trimestre de 2018). O Rio Grande do Norte registrou crescimento de 214% na taxa de mulheres mortas entre 2007 e 2017; ao analisar raça, o aumento para mulheres negras foi de 385%, segundo o Atlas da Violência 2019.   

Agraciada com a Comenda Júlia Alves Barbosa, a jornalista Liziane Virgílio parabenizou o Legislativo natalense pelo engajamento na causa feminina. "Uma homenagem como essa é relevante e simbólica, especialmente porque ainda vivemos em um país extremamente machista, no qual as mulheres sofrem muitas violências. Todavia, momentos assim mostram que avançamos e que cada vez mais lugar de mulher é onde ela quiser". Na área da comunicação, também foi  homenageada a jornalista e assessora da Amico, Flávia Freire que desenvolve um trabalho em defesa das crianças cardiopatas do Rio Grande Norte.

 

13

Mar

Comunicação

Projeto natalense que reforma casas de famílias carentes estará no Caldeirão do Huck deste sábado

O ReforAmar, iniciativa de um grupo de natalenses que reforma casas de famílias carentes, estará no Caldeirão do Huck deste sábado (14) para participar do quadro The Wall. O projeto é formado por engenheiros, arquitetos e profissionais de outras áreas, e será representado no programa da Rede Globo pelos engenheiros Fernanda Silmara, fundadora do projeto, e Júllian Araújo, colaborador voluntário. Criado em 2018, o ReforAmar nasceu a partir da própria experiência de vida de Fernanda.



Na infância, ela morava em um imóvel simples, de taipa e tijolo branco, e aprendeu desde cedo que "casa" não é sinônimo "lar". "Nessa época, o 'ReforAmar' da minha vida foram o meu tio e meu irmão, que se dispuseram a mudar aquela realidade e reformaram minha casa. Foi um gesto que ficou marcado na minha memória e que inspirou a criação do nosso projeto", destaca a engenheira, que também é técnica em Controle Ambiental e tecnóloga em Construção de Edifícios.

Fernanda cresceu sonhando em retribuir a generosidade para outras famílias e, em 2018, reuniu um grupo de amigos e, juntos, criaram o ReforAmar (junção das palavras "reforma" e "amar"). No início, os poucos voluntários se dividiam entre a administração do projeto e o gerenciamento das obras. De lá para cá, já foram nove reformas concluídas, sendo seis casas e três instituições (asilo, creche e escola). Atualmente, são cerca de 100 voluntários que se revezam nas ações e compartilham do propósito de transformar imóveis precários em moradias e abrigos dignos.



Segundo a fundadora do projeto, para 2020 o plano é se tornar uma Organização Não Governamental e, assim, angariar mais parceiros e apoiadores comprometidos com a causa. Esse é também o objetivo da participação no The Wall. "Tudo no ReforAmar é voluntário e fruto de doação, seja de tempo, de mão de obra, material de construção ou móveis. Queremos agora formalizar nosso projeto e adquirir uma sede. Assim, poderemos ampliar nossa atuação", explica Fernanda.

O quadro vai ao ar no Caldeirão do Huck deste sábado (14), que começa às 16h. Acompanhe o ReforAmar nas redes sociais e saiba como ajudar: Instagram @reforamar_  Facebook.com/reformar

13

Mar

Comunicação

Grupo Elos entrega novo Lar Celeste em evento na próxima terça-feira

Um evento especial na próxima terça-feira, dia 17 de março, vai marcar oficialmente a entrega das novas instalações do Lar Celeste, em Macaiba. A instituição sem fins lucrativos, que atende crianças de 2 a 10 anos, em formato de creche, ganhou uma nova estrutura com a ação de arquitetos, design de interiores, engenheiros e paisagistas de Natal que fazem parte do projeto Elos.

O grupo, que tem em seu propósito reformar estrutura física de instituições que dão apoio a pessoas em situação de vulnerabilidade, dessa vez trabalhou em prol do Lar Celeste que atende aproximadamente 60 crianças, com o objetivo de contribuir com o crescimento e desenvolvimento delas e o fortalecimento dos vínculos familiares. A reforma começou no dia 07 de janeiro. Mais de 10 ambientes da casa passaram por intervenções.

O evento de entrega acontecerá a partir das 14h. O Lar Celeste fica na Av. Presidente Castelo Branco, 66, Centro, em Macaiba. Mais informações e contato através do perfil no instagram: @elossocial.

13

Mar

Comunicação

Ministério da Saúde lança curso online sobre prevenção do novo coronavírus

A fim de evitar a proliferação de fake news e informar corretamente sobre a prevenção do coronavírus, o Ministério da Saúde lança um curso online e gratuito para a população e profissionais da saúde. Criado em parceria com o Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS) da UFRN, a Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Organização Pan-americana da Saúde (OPAN), o curso “Vírus Respiratórios Emergentes, Incluindo o Covid-19” traz informes importantes de como se dá o contágio pelo vírus, como evitá-lo, quando procurar ajuda médica, etc.

“Este curso fornece uma introdução geral ao COVID-19 e vírus respiratórios emergentes. O curso destina-se aos profissionais de saúde pública, gerentes de incidentes e pessoas que trabalham para as Nações Unidas, organizações internacionais e ONGs, além da população em geral”diz o comunicado do Ministério da Saúde.

O curso tem 4 módulos, e a intenção é que ao final dele, as pessoas posssam “descrever os princípios fundamentais dos vírus respiratórios emergentes e como responder efetivamente a um surto”, diz o MS. Para acessar o conteúdo completo do curso, acesse a plataforma aqui

- 01: Introdução aos vírus respiratórios emergentes, incluindo o COVID-19.

- 02: Detectar vírus respiratórios emergentes, incluindo o COVID-19: vigilância e investigação laboratorial.

- 03: Comunicação de risco e engajamento comunitário.

- 04: Prevenção e resposta a um vírus respiratório emergente, incluindo o COVID-19.

Fonte: Portal B9, disponível em: https://www.b9.com.br/122875/ministerio-da-saude-lanca-curso-online-sobre-prevencao-do-novo-coronavirus/

13

Mar

Comunicação

Venda de celulares cresce 3,3% no país e aumenta mercado em 2019

O mercado brasileiro de celulares fechou o ano de 2019 com números bastante positivos. Segundo o estudo IDC Brazil Mobile Phone Tracker Q4/2019, da IDC Brasil, o crescimento teve como destaque o aumento dos feature phones, celulares simples, muitas vezes com acesso à Internet 2G e 3G. O mercado de smartphones também fechou em alta, graças ao recorde de vendas durante a Black Friday.

No período, foram comercializados 3,1 milhões de features phones, um aumento de 23,5% em relação a 2018. Em 2019, os ‘baratinhos’ contribuíram com uma receita de R$ 376,8 milhões. No quarto trimestre, eles registraram alta 22,4%, com 773,7 mil de unidades vendidas. De acordo com Renato Meireles, analista de mercado em Mobile Phones & Devices da IDC Brasil, a alta no comércio de feature phones ocorreu porque em muitas regiões do país o celular ainda é usado apenas para fazer e receber ligações.

O terceiro trimestre foi o melhor no setor, registrando alta de 40,3%, mesmo com queda de 1% no desempenho geral. Quanto ao mercado de smartphones, o setor vendeu 45,5 milhões de aparelhos, um aumento de 2,2% em relação ao mesmo período de 2018. Com isso, foram arrecadados R$ 56,3 bilhões, resultando em R$ 56,7 bilhões de receita (+5,6%). Somente no quatro trimestre, a receita foi de R$ 15,3 bilhões, alta de 7,8% em relação ao mesmo período de 2018.

O recorde de vendas durante a Black Friday, impulsionada pela liberação do saldo nas contas do FGTS, os juros nas mínimas históricas e a demanda reprimida por consumo, foi a grande responsável. O ano de 2019 foi marcado pela chegada de grandes nomes no mercado de smartphones, como a Xiaomi, que movimentou o setor intermediário, e a Huawei, que trouxe o topo de linha P30 Pro como maior aposta. Inclusive, ambos os setores tiveram altas, com, respectivamente, 22,1 milhões (+33%) e 3,0 milhões (+17,2%) de unidades vendidas.

Mercado cinza

Do outro lado da moeda, o chamado mercado cinza, smartphones que chegam ao Brasil de forma não-oficial, registrou alta de 344% em relação ao ano de 2018. Em 2019, 3,8 milhões de unidades de smartphones foram vendidas ilegamente no país, além de 677,9 mil de feature phones. O analista da IDC Brasil diz que o crescimento se deu após a entrada oficial de outras marcas de smartphones no país no ano passado, em especial as chinesas Huawei e Xiaomi, que abriram a possibilidade do consumidor de pesquisar por opções mais baratas no mercado alternativo.

Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), uma marca chinesa corresponde a 60% das importantes ilegais de celulares. Embora eles custem até 50% menos o valor de um smartphone vendido oficialmente no país, aparelhos do mercado ilegal podem, geralmente, apresentar problemas de conexão e disparidade nas especificações.

Fonte: Canaltech, disponível em: https://canaltech.com.br/mercado/venda-de-celulares-no-brasil-2019-161769/

12

Mar

Comunicação

Prefeitura de Natal entrega 26 novas praças

As principais praças e espaços públicos da capital potiguar estão sendo recuperadas. A Prefeitura de Natal realiza um amplo trabalho com o objetivo de ampliar as áreas públicas de lazer e convivência, oferecendo mais qualidade de vida à população natalense. Até o momento, a gestão municipal entregou 26 praças completamente revitalizadas.

Para este ano, o planejamento da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), responsável pela gestão desses equipamentos, projeta requalificar mais seis logradouros em todas as regiões da cidade. No trabalho de recuperação, foram realizadas a pavimentação, paisagismo, pintura e manutenção dos bancos, brinquedos e demais equipamentos.

As praças recuperados pela Prefeitura foram: Praça Henrique Carloni (Ponta Negra); Praça Agostinho José Oliveira (Zona Norte); Praça José Antônio Pereira (Lagoa Nova); Praça Pôr do Sol (Igapó); Praça Iapssara Aguiar (Potengi); Praça do Conselho Comunitário (Igapó); Praça Ecológica Severino Cordeiro Folclorista (Quintas); Praça Francisco Valentim (Rodas); Praça do Relógio do Sol (Areia Preta); Praça Luiz da Câmara Cascudo (Cidade Alta); Praça Francisco Erickson (Neópolis); Praça Antônio Melé (Mãe Luiza); Praça Dom Pedro II (Alecrim); Praça Eldorado (Lagoa Azul); Mangueiras (Lagoa Nova); Miriam Vasconcelos (Potilândia); Gentil Ferreira (Alecrim); Gizela Mousinho (Lagoa Nova); Nossa Senhora dos Navegantes (Redinha); Residencial Redinha (Redinha); Élia de Barros (Igapó); Árvore de Mirassol (Mirassol); Engenheiro Wilson Miranda (Santos Reis); Lindalva Taveira (Santos Reis) e praça Augusto Leite, no Tirol, esta a última a ser entregue pelo prefeito Álvaro Dias.

Em 2020, as melhorias continuam com a Semsur executando a recuperação das praças Assis Chateaubriand, Vila Verde, São Camilo de Lellis, das Mães e do Chafariz.

"Estamos intensificando esse trabalho de recuperação, pois queremos estimular as pessoas a voltarem a ocupar os espaços públicos. Elas têm esse direito. As praças são áreas onde o cidadão pode descansar, contemplar a natureza, praticar uma atividade esportiva, caminhar e conversar com os vizinhos. Enfim, são áreas relevantes no aspecto urbano. Por isso, estamos dotando nossas praças com novos ambientes, pintura, troca de equipamentos, bancos, melhorando a parte de paisagismo e jardinagem e corrigindo os passeios públicos. Uma infinidade de serviços que estão fazendo com que o natalense volte a frequentar esses ambientes", enumera o secretário municipal de Serviços Urbanos, Irapoã Nóbrega.

 

12

Mar

Comunicação

Projeto cria Liga contra a Violência para ampliar proteção à mulher em Natal

No combate à violência contra a população feminina, a Câmara Municipal de Natal aprovou na sessão ordinária desta quarta-feira (11) o Projeto de Lei nº 202/18, de autoria da vereadora Carla Dickson (PROS), que dispõe sobre a criação da Liga contra a Violência para proteger mulheres vítimas da violência doméstica. A matéria define uma linha de cuidados para as mulheres no município, efetivando o atendimento emergencial e especializado nos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS) e nas maternidades.

Os procedimentos devem abranger a orientação aos familiares ou amigos; encaminhamento para os serviços adequados da rede de saúde (psicoterapia) e acionamento dos serviços de proteção social. "Entende-se por violência, nesse contexto, o uso intencional de força física, ameaça, contra si ou contra outrem, que pode ou não resultar em lesão, morte, dano psicológico, deficiência de desenvolvimento ou privação", explicou a vereadora Carla Dickson, ao defender sua proposição.

"Salientamos a importância de conectar a rede de assistência e proteção intersetorial existente no município, de acordo com a necessidade de cuidados. No caso de violência contra crianças, adolescentes e mulheres, além da notificação compulsória é recomendado ao profissional de saúde acionar os órgãos competentes em virtude da legislação de amparo a esse público", completou.

 

11

Mar

Comunicação

Natal terá Guarda Municipal na Patrulha Maria da Penha

O mês de março, historicamente, é marcado pelo reforço nas ações de combate e prevenção à violência contra a mulher. A Prefeitura de Natal tem trabalhado firme na adoção de medidas e mecanismos que contribuam para a diminuição da desigualdade de gênero, bem como protejam as natalenses. A implementação da Patrulha Maria da Penha é a mais nova ação nesse sentido. As primeiras equipes com 60 homens e mulheres da Guarda Municipal de Natal que atuarão no serviço já passaram por capacitação e em breve estarão atuando nas ruas.

A Patrulha Maria da Penha entra em ação a partir do momento em que o agressor é notificado pela Justiça sobre a medida protetiva, que o impede de se aproximar da vítima. A equipe multidisciplinar é acionada, primeiro em contato com a vítima, para que ela autorize o acompanhamento da ronda. Posteriormente, a mulher receberá visitas periódicas e será monitorada tanto presencialmente como por telefone e WhatsApp, entrando em contato com a Ronda da Guarda Municipal caso se sinta ameaçada.

Os guardas municipais passaram por uma capacitação de 40 horas que foi construída levando em consideração disciplinas e instruções que forneceram ao agente de segurança a capacidade de atender as vítimas, zelando pela sua segurança física e emocional, principalmente no ato do atendimento da ocorrência em que a mulher for alvo, como também no processo técnico efetivo de execução das medidas protetivas. A formação das equipes foi amparada em três eixos: conhecimento jurídico, atuação da rede de atendimento, e serviço operacional de proteção efetiva às vítimas de violência.

A secretária municipal de Defesa Social e Segurança Pública, Sheila Freitas, acompanhou de perto as aulas e ressaltou a sensibilidade do Poder Executivo Municipal em colocar em prática a Patrulha Maria da Penha. "Infelizmente, os casos de violência contra a mulher se avolumam. Ainda vivemos em uma sociedade machista e diariamente precisamos desses conceitos e práticas. A patrulha será uma ferramenta importantíssima no combate, prevenção e na proteção das mulheres natalenses. O nosso efetivo da Guarda Municipal é muito qualificado e tenho certeza de que vai executar um excelente trabalho à frente do programa", aponta a titular da Semdes.

A viatura que vai operar com as equipes da Guarda Municipal já foi adesivada e está pronta. Os certificados de conclusão de curso aos profissionais da GMN que foram capacitados serão entregues até o final do mês, marcando o início da operação do programa, prevê a equipe de planejamento da Semdes.

A Guarda Municipal Judicler Cavalcante participou do curso de capacitação e não vê a hora de ir para as ruas com a patrulha. "Recomendo que todos os agentes de Segurança Pública façam o curso da Patrulha Maria da Penha. Além de nos qualificar no conhecimento da Lei e nos capacitar na atuação dela, a Patrulha Maria da Penha me levou a conhecer uma rede de pessoas que se importam e lutam para mudar uma consciência histórica patriarcal no nosso país", avalia ela.

11

Mar

Comunicação

Destinação do imposto de renda pode ajudar crianças e adolescentes do RN

A corrida para prestar contas com o Leão já começou. O que muitos contribuintes não sabem é que ao fazer a sua declaração anual de rendimentos à Receita Federal, também podem ajudar centenas de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, inclusive os pacientes acolhidos pela Casa Durval Paiva, em tratamento contra o câncer e doenças hematológicas crônicas, destinando até 3% do seu imposto apurado ao Fundo da Infância e Adolescência – FIA, até o dia 30/04.

A dedução de doações ao Fundo da Criança e do Adolescente no Imposto de Renda está prevista no Art. 260 do Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA e em legislação tributária específica, que regulamenta a contribuição de pessoas físicas e jurídicas. Portanto, parte do imposto de renda devido de pessoas físicas e jurídicas pode ser destinada aos programas sociais de promoção e proteção dos direitos de crianças e adolescentes.

Para doar, basta seguir o passo a passo:

1 - Apurar o imposto de renda no formulário completo. Ao final da declaração, clicar em Resumo da Declaração (Doações diretamente na declaração - ECA).

2- Escolher o nível de doação pretendido, selecionando o Estado: Rio Grande do Norte e o município de localização: Natal. Informar o valor a ser doado e confirmar.

3 - Ao final, o programa emitirá um DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) - sob o código 3351. O próprio programa da Receita Federal informa automaticamente o valor que pode ser doado com a dedução.

4 - Após imprimir o DARF, o contribuinte poderá pagar o documento até o último dia de entrega da declaração.

Em 2019, o FIA investiu 450 mil reais em oito projetos sociais que beneficiaram diretamente cerca de 4.750 crianças em várias regiões de Natal. Dentre esses, o Projeto Arte Viva - Conhecendo e Vivendo sem as Drogas, desenvolvido na Classe hospitalar da Casa Durval Paiva, com o objetivo de promover a sensibilização de crianças, adolescentes e acompanhantes da instituição acerca da prevenção e uso de drogas lícitas e ilícitas. O projeto tem vigência de um ano até dezembro de 2020, com oficinas de teatro e capacitação direcionada ao público alvo, dentro da temática sobre as drogas.   

11

Mar

Comunicação

Novo coronavírus já afeta 70% das empresas do setor eletroeletrônico, diz associação

De acordo com nova sondagem organizada pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) sobre o impacto do novo coronavírus SARS-CoV-19 na produção do setor eletroeletrônico, 70% das empresas entrevistadas já operam com problemas no recebimento de materiais, componentes e insumos provenientes da China, país que é o epicentro de casos de COVID-19.

Os novos resultados indicam um agravamento da situação em relação às pesquisas realizadas anteriormente. Na primeira pesquisa, feita em 5 de fevereiro, o número de empresas com problemas era de 52%. Já na segunda sondagem, realizada no dia 20 de fevereiro, 57% das consultadas apontavam impacto negativo. Essa situação do desabastecimento é observada melhor entre os fabricantes de produtos de Tecnologia da Informação, como celulares e computadores.

Impacto trimestral

Segundo o levantamento da Abinee, 6% das empresas operam, no momento, com paralisação parcial em suas fábricas. Em termos comparativos, no levantamento anterior, esse índice era de 4%. Além disso, outras 14% já programaram paralisações para os próximos dias, a maior parte delas também de forma parcial. Apesar do impacto negativo do novo coronavírus na produção, a pesquisa indica que 48% dos entrevistados não têm previsão de parar suas atividades. Nesses casos, uma mudança de decisão dependerá do tempo em que persistirem os problemas no abastecimento, o que por ora não é um problema.

Com esse cenário, passou de 17% para 21% o total de empresas que informaram que não devem atingir a produção prevista para o primeiro trimestre deste ano. Nesse período, a produção deverá ficar, em média, 31% abaixo da projetada. Este percentual também aumentou na comparação com a pesquisa anterior, que indicava uma queda de 22% na produção. Para quase metade das empresas (48%), no entanto, as projeções devem ser mantidas. Enquanto isso, 31% afirmam que ainda não era possível fazer essa indicação.

Fonte: Canaltech, disponível em: https://canaltech.com.br/negocios/novo-coronavirus-ja-afeta-70-das-empresas-do-setor-eletroeletronico-diz-abinee-161626/

10

Mar

Comunicação

Urbanização de Natal: ação da Prefeitura recupera canteiros da cidade

Além dos trabalhos de recuperação e reforma de praças e logradouros públicos, a Prefeitura de Natal está promovendo serviços de requalificação dos canteiros centrais das principais ruas e avenidas da cidade. A cargo da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), as melhorias estão sendo realizadas inicialmente na avenida Romualdo Galvão.

As equipes do Departamento de Operações estão realizando serviços de alinhamento, nivelamento, rejuntamento e “caiação” dos canteiros centrais da avenida. A previsão da Semsur é de que as obras no local transcorram durante este mês de março, para então começar o mesmo serviço nas avenidas Afonso Pena, Rodrigues Alves e Campos Sales. Em fevereiro, a Semsur fez o mesmo trabalho nos canteiros das ruas Seridó, Potengi, Ceará-Mirim e Floriano Peixoto. Também está prevista a recuperação do canteiro central da avenida João Medeiros Filho, na Zona Norte.

"Estamos trabalhando de maneira firme na manutenção e recuperação dos nossos espaços públicos. Esse é um serviço fundamental, já que o ordenamento dos canteiros gera mais segurança no trânsito, impacta positivamente na mobilidade urbana e melhora o aspecto urbano de Natal, uma vez que temos espaços organizados e bem cuidados. É importante também a participação dos moradores na conservação desses espaços", destaca o secretário municipal de Serviços Urbanos, Irapoã Nóbrega.

Natal Mais Verde

O cidadão, empresa ou condomínio residencial que deseja ajudar o poder público municipal na manutenção e conservação dos canteiros pode aderir ao programa “Natal Mais Verde”. A iniciativa foi criada com o intuito de conservar os espaços públicos através de uma parceria entre o Executivo Municipal e a sociedade. Pessoas físicas e jurídicas podem adotar áreas verdes, canteiros ou praças e em troca o município concede ao adotante o direito de fazer propaganda no local. O Programa Natal Mais Verde possui ao todo 40 áreas adotadas.

Para participar do projeto, as empresas, instituições ou pessoas físicas interessadas devem entrar em contato com a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) para realizar o cadastro e assinar um termo de compromisso. A partir disso, será preenchida uma proposta de adoção e o processo será publicado no Diário Oficial do Município. Uma vez publicado no DOM, o adotante ficará responsável pela manutenção da área (irrigação, corte de grama, adubação, etc).

A adoção é individual. Caso haja interesse de mais de uma pessoa/empresa por uma mesma área, a escolha será baseada em critérios de desempate previstos na Lei N° 5.915/09. Mais informações poderão ser obtidas diretamente no setor do Natal Mais Verde, que fica na sede da Semsur, localizada na Avenida Princesa Isabel, 799 – Cidade Alta. Também é possível entrar em contato através do telefone 3232-8674 ou, ainda, pelo email adoteoverde@gmail.com.

 

 

10

Mar

Comunicação

Estudo: um em cinco youtubers sofre de transtorno de ansiedade

Há cinco anos no mercado de agenciamento de influenciadores e produção de conteúdo, a Dia Estúdio realizou estudo com 450 desses profissionais da internet. Os resultados mostram que 81% dos youtubers brasileiros se sentem pressionados a pensar em novos conteúdos para manter seus índices de audiência e isso leva um em cada cinco deles a sofrer de modo patológico essa ansiedade, com o desenvolvimento de transtornos de ansiedade.

O número de pessoas que diz enfrentar desse mal cresceu 3,3% em relação aos dados da mesma pesquisa feita em 2017. Sintomas de depressão também cresceram 2,1%, em comparação com a análise anterior. “O mercado publicitário já entendeu que os criadores são um veículo, mas, diferentemente de jornais ou rádios, estamos falando de pessoas. Por isso é importante entendermos como eles se sentem e como entendem a profissão”, pontua Rafa Dias, CEO e sócio fundador da Dia Estúdio.

A pesquisa também aponta o segmento humorístico como o principal explorado pelos youtubers, entre os quais 18,8% faturam acima de R$ 10 mil – deste grupo, no entanto, apenas 1,1% recebe de R$ 50 mil a R$ 100 mil por publicação (vídeo no YouTube ou posts em redes sociais). Quanto às marcas, a Coca-Cola aparece como a mais associada ao trabalho de influenciadores, à frente de Oi, Telecine e Netflix.

Embora no mundo da comunicação esteja forte o crescimento de podcasts, o vídeo também segue firme na visão de futuro dos atuais influenciadores: 93,4% deles (aumento de 3,4% sobre a pesquisa de 2017) se imaginam fazendo vídeos nos próximos oito anos. Já o grau de instrução desses criadores de conteúdo tem diminuído. Segundo a pesquisa, em relação à edição anterior, o número daqueles com ensino superior caiu 10,8%.

Os dados completos do estudo, que ouviu youtubers de todo o País, estarão disponíveis a partir desta terça-feira, 10, no site da plataforma Criadores ID. Segundo os organizadores, no questionário respondido pelos participantes havia questões relativas desde prática de atividades físicas e orientação sexual, passando por vícios, restrições alimentares, doenças crônicas, valoração nas redes sociais e mesmo arrependimentos em relação a ações de publicidade que tenham feito.

Fonte: Portal Meio e Mensagem

Disponível em: https://www.meioemensagem.com.br/home/marketing/2020/03/10/um-em-cinco-youtubers-sofre-de-transtorno-de-ansiedade.html

10

Mar

Comunicação

Diretor da Escola da Assembleia recebe parceiros do Conexão Enem

O diretor da Escola da Assembleia, professor João Maria de Lima, recebeu na última sexta-feira (6), diretores do Lógico Cursos Aliados. Na pauta, ajustes na parceria firmada para os aulões do Conexão Enem Natal, tanto televisionada pela TV Assembleia quanto presencialmente na sede da instituição acadêmica legislativa, a partir de abril.

O projeto Conexão Enem é uma iniciativa que beneficia milhares de alunos, principalmente, da rede pública, bem como estudantes de todo o Rio Grande do Norte. Somente em 2019, foram aprovados trinta alunos que participaram das aulas gratuitas ofertadas pelo projeto, em Natal.



"É um compromisso da gestão do presidente da Assembleia Legislativa do RN, deputado Ezequiel Ferreira, aproximar cada  vez mais o legislativo da população, por meio da Escola da Assembleia, ofertando cursos, aulas, capacitações, palestras, oficinas e tudo que for preciso para o crescimento da nossa sociedade", concluiu o diretor da Escola da Assembleia.